O corpo apresentava sinais de violência e estava em uma praia no estado de Santa Catarina

A Polícia Civil de Santa Catarina trabalha para investigar o assassinato de Mayara Correia dos Santos, de 25 anos, ponta-grossense que foi encontrada morta na última segunda-feira (6) dentro de um saco de lixo na praia do Matadeiro, em Florianópolis (SC). O corpo estava em avançado estado de decomposição e só foi identificado pelo Instituto Geral de Perícias por meio do sistema de digitais.

Continua depois da publicidade



De acordo com o Diário Catarinense, o corpo de Mayara permanece no Instituto Médico Legal (IML) da capital à espera de familiares para fazer a retirada e cuidar da remoção do corpo até o local do velório. Ainda segundo a imprensa catarinense informou, ouvindo as autoridades responsáveis pelo caso, o corpo apresentava sinais de violência.

A Delegacia de Homicídios da Capital trabalha na investigação do caso e ainda não tem informações sobre suspeitos ou motivação para o crime.

Fonte: A Rede

Vizi Pet
Rc Amb. Planejados
2-2 PG - Infotech
3-2 PG - Espaço Regional
1-1 PG ELETRIBEL