Índice é previsto para escolas; instituições superiores devem ter reajuste médio de 5,7%. Dados são do Sindicato do Ensino Privado do estado

Mensalidades em escolas gaúchas devem subir até 7,5%, segundo pesquisa (Foto: Reprodução/RBS TV)

Um levantamento feito pelo Sindicato do Ensino Privado (Sinepe) do Rio Grande do Sul ao longo do mês de novembro apurou qual deve ser o aumento das mensalidades em instituições de ensino particulares no ano de 2018. Conforme a pesquisa, a alta será de mais de 5%.

As escolas terão reajuste médio de 7,5% nas mensalidades, enquanto nas universidades e centros acadêmicos esse índice será de 5,7%.

Continua depois da publicidade



Se isso se confirmar, o aumento será acima do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC). Segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o INPC variou 0,18% em novembro, abaixo do 0,37% de outubro. No ano, acumula alta de 1,80%, inferior aos 6,43% de 2016.

Ao todo, entre os dias 30 de outubro e 1° de dezembro, foram pesquisadas 110 instituições de educação básica e 13 de superior em todo o estado. Isso representa 30% dos associados do Sinepe. Os dados foram divulgados pela entidade nesta quinta-feira (21).

O estudo mostra que o percentual médio de aumento de custos nas instituições em 2017 foi de 9,3%. Ainda segundo o Sinepe, a previsão para 2018 é alta de 8,2% – índice mais elevado que a média de reajuste das mensalidades.

O que mais pesou no aumento total dos custos foi a despesa com pessoal, que compromete torno de 2/3 do orçamento. Por isso, de acordo com o Sinepe, é possível afirmar que esse fator provavelmente é o maior responsável pelo reajuste na mensalidade.

Outras áreas que influeciam bastante o orçamento são custos com infraestrutura e contas públicas, como água e luz.

“Como em qualquer segmento, nem sempre as previsões orçamentárias se concretizam, como é o caso da conta de luz que vai aumentar 30%. A instituição de ensino pode ter controle sobre seus investimentos, mas os custos para o seu funcionamento podem variar além do estimado”, avalia o presidente do Sinepe, Bruno Eizerik.

Fonte: TV RBS

Comunic
Vizi Pet
Rc Amb. Planejados
Real Planejados
Saboretto
Viper
Zanella
2-2 PG - Infotech
3-2 PG - Espaço Regional